4 dicas para fazer orquestração de containers com VMware Tanzu

3 minutos para ler

Na atualidade, a virtualização e os serviços em nuvem estão expandindo as possibilidades de serviços de TI qualificados. Ao mesmo tempo, por exemplo, a necessidade de hardware para executar certas funções é reduzida.

Porém, para ter uma experiência positiva com eles, é necessário escolher um fornecedor eficiente e inovador, reconhecido no mercado, que é a marca VMware desde sua fundação em 1998.

Nesse viés, ao escolher a VMware como um provedor de serviços de nuvem e virtualização, você recebe um grande portfólio de produtos e oferece soluções excelentes para o seu dia-a-dia.

Essa empresa é reconhecida no mercado, e suas aplicações são caracterizadas pela segurança, versatilidade e estabilidade. Ao adquirir tecnologia de outras empresas, a VMware ampliou seu portfólio para mais de 30 produtos de software atualmente.

Nesse sentido, os serviços do VMware Tanzu tornam possível criar de forma rápida e flexível uma plataforma de orquestração de containers segura, aumentando assim a produtividade das equipes de desenvolvimento e operações.

Pensando nisso, separamos 4 dicas essenciais para você realizar a orquestração de containers com o VMware Tanzu a fim de melhorar a infraestrutura tecnológica da sua empresa. Confira agora mesmo!

Gerenciamento múltiplo de nuvens

O VMware Tanzu inclui uma prévia técnica do VMware Tanzu Mission Control. Com essa solução, os clientes terão um ponto de controle para gerenciar todos os seus clusters Kubernetes relacionados.

Essa ação pode ser realizada independentemente de onde eles executam o vSphere, nuvem pública, serviços gerenciados, distribuição de pacotes e Kubernetes do-it-yourself (DIY). Este novo serviço fornece uma ampla gama de recursos fornecidos pelo extenso portfólio de produtos da VMware.

Visibilidade do administrador

O VMware Tanzu Mission Control fornece aos administradores visibilidade em todos os clusters Kubernetes, incluindo cluster e avaliação de integridade de componentes.

Os clientes que procuram informações adicionais de diagnóstico ou detalhes completos da bateria podem acessar o Wavefront diretamente por meio da solução.

Controle de política do operador

No que diz respeito aos procedimentos para a operação, o VMware Tanzu simplifica a aplicação de cluster único entre ambientes ou políticas de acesso em nível de grupo, cotas, backups e segurança.

Além disso, você pode usar o vSphere com VMware Tanzu no VMware Cloud Director para criar um data center virtual (VDC) do provedor com o suporte de um cluster Supervisor. Um cluster de host com VMware Tanzu habilitado e vSphere é chamado de cluster Supervisor, sendo um recurso complementar.

Independência do desenvolvedor

O VMware Tanzu Mission Control permite que os desenvolvedores usem os métodos de autoatendimento fornecidos pela API Kubernetes para acessar recursos por meio do espaço de trabalho.

O princípio básico do portfólio de produtos VMware Tanzu é aproveitar ao máximo o software de código aberto. Nesse sentido, a nova solução utiliza Cluster API para gerenciamento de ciclo de vida, Velero para backup, restauração, Sonobuoy para controle de configuração e procedimentos para controle de entrada.

Portanto, a VMware consiste em um dos 3 principais contribuidores do Kubernetes, sendo uma ferramenta ideal para garantir a plenitude e integridade funcional dos profissionais de TI.

Agora que o VMware Tanzu já foi explicado, entre em contato para tirar dúvidas e saber mais detalhes!

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-