Saiba como a Inteligência Artificial é usada em softwares corporativos

Saiba como a Inteligência Artificial é usada em softwares corporativos
8 minutos para ler
Tempo de leitura 7 min

Nos últimos anos, estamos vivendo um verdadeiro boom da Inteligência Artificial (IA) aplicada ao software da empresa em todas as suas áreas, independentemente do porte. A IA tem se mostrado capaz de automatizar uma gama enorme de tarefas, conferindo-lhes mais eficiência e produtividade em comparação com a mão de obra humana. Além disso, seus custos têm reduzido à medida que a tecnologia se populariza.

Nesse cenário, é bem provável que praticamente todos os softwares contarão com ferramentas de IA até 2020. Há vários processos corporativos que já a implementaram, como o atendimento ao cliente, a automação de processos empresariais, a análise de contratos etc. Em pouco tempo, ela certamente se expandirá a outras tarefas.

Se você quer entender melhor o assunto, continue a leitura!

Como a Inteligência Artificial é usada em softwares empresariais?

Atualmente, os chatbots — robôs de atendimento eletrônico — são a modalidade de Inteligência Artificial mais conhecida no mundo empresarial. No entanto, essa tecnologia pode fornecer uma ampla gama de ferramentas além do atendimento, como:

  • análise de contratos jurídicos;
  • análise de documentação;
  • integração de sistemas;
  • automação de processos corporativos.

A IA também está crescendo em áreas nas quais não se imaginava a substituição da mão de obra humana, como no RH, em que filtra os candidatos mais adequados de acordo com os requisitos de cada vaga.

Para entender a sua importância em um software da empresa, é preciso distinguir a Inteligência Artificial da Automação Tradicional. Vamos exemplificar com o atendimento virtual:

  • uma ferramenta de atendimento virtual automatizada usa algoritmos para vincular respostas com a saída, ou seja, perguntas fora do roteiro original não são entendidas;
  • o chatbot dotado de IA não só lê o texto, como também o interpreta e faz a varredura na base para conseguir trazer o resultado para o usuário. Por isso, passa realmente a impressão de que tem alguém respondendo as perguntas, pois ele realmente entende o que está sendo dito.

Hoje em dia, os programadores estão desenvolvendo inovações que podem, até mesmo, trazer emoções e personalidade aos robôs de atendimento ao cliente. Assim, ficará praticamente impossível distingui-los de um funcionário humano.

Outro exemplo interessante é o da análise jurídica. Muitas ações da área jurídica são parecidas e o advogado precisa procurar leis e jurisprudências, além de fatos pontuais, que vão definir aquele caso específico.

A Inteligência Artificial realiza uma análise prévia do caso facilitando o trabalho do advogado. Ela consegue compreender as palavras-chave do texto, procura casos semelhantes nos bancos de dados dos tribunais, indica leis e doutrinas, podendo, até mesmo, fornecer peças prontas nos casos mais repetitivos e de menor complexidade.

No caso do RH, muitas vezes, um currículo é descartado porque os analistas de recrutamento geralmente deixam algumas informações importantes passarem. Às vezes, nem todos os currículos são analisados, pois um candidato do topo da pilha se ajustou perfeitamente à vaga mesmo que outros mais qualificados tenham se candidatado.

Ou, então, o funcionário do RH não gostou da primeira frase e descartou o currículo sem dar uma segunda chance. De repente, lá embaixo, no campo das experiências, havia exatamente o que ele precisava, mas ele deixou passar.

A agilidade é outro ponto a ser destacado. O tempo que uma pessoa gasta para analisar um currículo e saber se vale a pena fazer uma ligação é muito maior do que o necessário para um algoritmo rodar e filtrar as informações. É possível avaliar mais de 100 currículos em alguns minutos.

Quais são os benefícios da utilização de Inteligência Artificial em software da empresa?

Mais agilidade nos processos

Os robôs são capazes de trabalhar 24 horas por dia, sete dias por semana sem pausas para recuperar as energias. Além disso, conseguem realizar em apenas alguns segundos tarefas que uma pessoa só concluiria após dias. Isso traz bastante agilidade para os processos.

Redução de custos

A redução de custos é certamente o fator mais atrativo para todos os negócios. Uma vez que várias tarefas repetitivas serão completamente automatizadas, dispensando qualquer intervenção humana, a IA é capaz de diminuir o uso de mão de obra humana. Isso reduz a necessidade de utilizar recursos financeiros com contratação, visto que a licença de um robô é muito mais barata do que o salário de um funcionário.

Qualidade no atendimento

O atendimento ao cliente é uma área sujeita às variações do humor das pessoas. Se um colaborador está estressado ou “não foi com a cara de um cliente”, ele poderá ser mal-educado e pouco resolutivo, o que compromete a estratégia da sua empresa. O robô faz tudo conforme o programado, logo, não tem a opção de diminuir a própria produtividade se estiver indisposto com a gerência nem de realizar um trabalho inferior por estar cansado.

Assim, no RH, por exemplo, você sempre conseguirá explicar o porquê de aquele currículo se adequar à vaga ou não. Portanto, você sempre terá um embasamento seguro para mostrar ao cliente, o que não acontece quando o trabalho é manual. Às vezes, um funcionário aprova um currículo e, depois, nem sabe mais por que o aprovou, quais pontos ele levou em consideração para fazer esse filtro.

Como implementar a Inteligência Artificial em um software?

No caso do chatbot, você implementa uma solução padrão desenvolvida por terceiros. Ou seja, são necessárias poucas adaptações para deixá-lo com a cara do seu negócio, praticamente, bastará programar as respostas mais específicas.

Para inserir a Inteligência Artificial em um software já desenvolvido internamente, o processo normal de um projeto de desenvolvimento deverá ser seguido: análise, levantamento, gerenciamento de projeto, criação de uma equipe de desenvolvimento, testes, homologação e produção.

O grande diferencial é que você precisa de pessoas da sua própria empresa capazes de transferir conhecimentos referentes a ela para promover o treinamento da Inteligência Artificial. Por exemplo, se implementamos a IA na área médica, vamos precisar de um médico especialista no assunto para conseguir direcionar o software, treiná-lo e, por fim, fazer a comprovação dos resultados. Ou seja, para implementar a IA você deve contar com um especialista que domine o assunto para que o algoritmo tenha sucesso nas suas buscas.

Por que vale a pena criar um software personalizado que tenha Inteligência Artificial?

Por ser o assunto do momento, muitas pessoas implementam a IA em tarefas nas quais ela não deveria ter sido implementada, pois não obtém os benefícios que deveria. Por isso, a personalização é muito importante. Ou seja, em vez de ter um fornecedor querendo vender os seus produtos de qualquer forma, é muito importante contar com uma empresa verdadeiramente parceira, que realmente faça essa análise com você para colher os melhores resultados e a partir dos menores custos possíveis.

Afinal, o seu software ou a sua estrutura tecnológica às vezes não permite, naquele momento, fazer o que você deseja. Então, é preciso descartar aquela alternativa, pois não adianta investir em uma solução que não vai ser 100%. No entanto, há muitas fábricas de software que não explicam isso e você acaba passando anos olhando para algumas funcionalidades que nunca serão usadas na sua empresa.

Além disso, é essencial contar com uma empresa experiente, parceira dos principais players do mercado, que tenha uma visão ampla e mostre quais serão os resultados lá na frente. A FábricaDS é ideal nesse sentido, pois pode personalizar as melhores soluções tecnológicas do mercado.

Para análise jurídica, por exemplo, temos um parceiro que oferece esse serviço. Trabalhamos também com IBM Watson, bem como desenvolvemos e implementamos a IA nos softwares da empresa.

Afinal, hoje em dia, ninguém desenvolve um algoritmo de IA do zero. Só em casos extremamente raros de empresas muito grandes, como a Apple, porque é um processo complexo e leva tempo. Normalmente, adapta-se o sistema para utilizar um processo externo, como o IBM Watson, por exemplo.

Portanto, usar a Inteligência Artificial em um software da empresa traz um cenário completamente inovador que representa um diferencial competitivo importante. Afinal, com os ganhos em produtividade e a redução de custos, a sua empresa poderá investir muito mais nas suas atividades principais em vez de direcionar um capital precioso à burocracia e às operações secundárias.

Quer saber mais sobre os benefícios que a IA poderá trazer para o seu modelo de negócios? Então, não deixe de entrar em contato com a nossa empresa.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-
Scroll Up