Fábrica de Software, Inovação

Você sabe o que é RPA (Robotic Process Automation)? Entenda mais!

janeiro 21, 2019
Você sabe o que é RPA (Robotic Process Automation)? Entenda mais!
Tempo de leitura 3 min

RPA é a sigla para Robot Process Automation, que em português poderia ser traduzida como Robô de Automação de Processos. Sua função é permitir que profissionais leigos em engenharia de software sejam capazes de criar robôs (bots) para executar tarefas de TI repetitivas, sem a necessidade de intervenção humana.

Com isso, esses robôs serão capazes de ações simples, mas muito cansativas para os seres humanos, como copiar e colar dados entre sistemas diferentes. Quer saber mais? Então confira nosso artigo com tudo o que você precisa saber sobre RPA!

Qual a diferença entre a automação por robôs e a automação tradicional?

Na automação tradicional, não existe nenhuma capacidade de aprendizado pelo software. Ele simplesmente executa as funções que seu código está programado para fazer. Já o RPA funciona baseado na Inteligência Artificial, ou seja, ele é capaz de reconhecer padrões e aprender novas funções a partir deles.

Para exemplificar, vamos pensar na integração entre sistemas. No caso da automação tradicional, deverá haver dentro do código dos dois sistemas uma ferramenta de automação. Caso não haja essa programação de compatibilidade prévia entre eles, não será possível integrá-los.

o RPA é capaz de aprender sozinho como esses sistemas funcionam, percebendo os padrões das telas de login, das abas de funcionalidades etc. Com isso, consegue integrar duas ferramentas mesmo que nunca tenha tido contato prévio com o código de nenhuma delas.

Quais são os benefícios do RPA?

O RPA é considerado, atualmente, uma peça-chave no cenário da Transformação Digital (TD), cujo pilar está centrado na Inteligência Artificial. Assim, é uma ferramenta que se alia perfeitamente às empresas que desejam colher todos os benefícios da TD rapidamente, além de ter outras vantagens, como:

  • facilidade de implementação, integração e manutenção, pois não serão necessários recursos altamente especializados para essas tarefas;
  • maior precisão;
  • aumento da produtividade;
  • maior liberdade para seus colaboradores trabalharem em tarefas mais complexas, uma vez que os robôs ficarão responsáveis pelas atividades repetitivas, que não necessitam de inteligência humana;
  • melhores processos de compliances, pois, ao contrário da mão de obra humana, um robô executa exatamente aquilo que é programado e não pensa em estratégias para burlar as regras. Além disso, seus códigos são totalmente transparentes e auditáveis;
  • maior liberdade de escolha de sistemas. Afinal, não é necessário escolher ferramentas previamente programadas para a interação. Com isso, você pode escolher os softwares sem se preocupar se eles se integram;
  • o custo de desenvolvimento é muito mais baixo em médio e longo prazos, pois, como o robô tem a capacidade de aprendizado, não serão necessárias várias reprogramações para otimizar sua execução de tarefas.

Além disso, eles não atrapalham o funcionamento dos seus bancos de dados atuais. Pelo contrário, conseguem trabalhar em várias plataformas, como aplicativos Windows, Web, Java e mainframe.

Quais tarefas podem ser executadas pelo RPA?

Integração de dados entre sistemas

Os bots do RPA podem ler os dados das interfaces de qualquer ferramenta e preencher, sozinhos, os campos e planilhas de outro sistema.

Login automático

Além disso, eles podem logar automaticamente em todas as ferramentas. Assim, enquanto um colaborador liga os computadores, o RPA está rodando em segundo plano para deixá-los prontos para o uso — o que poupa uma quantidade significativa de tempo.

Certamente, você deve ter percebido que o RPA é uma grande revolução no cenário da gestão de TI corporativa, substituindo várias ferramentas antigas e mão de obra humana em tarefas mais simples. Por esse motivo, sua fatia de mercado cresceu quase 600% no último ano.

Quer continuar recebendo as melhores dicas de Tecnologia da Informação para revolucionar o seu negócio? Então, não deixe de assinar nossa newsletter! Estamos sempre enviando os melhores materiais com as últimas novidades!

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário

Scroll Up