5 estratégias para reduzir custos de TI que você precisa adotar

8 minutos para ler
Tempo de leitura 7 min

Reduzir custos de TI tornou-se um ponto muito importante atualmente. Nos últimos anos, conforme a tecnologia digital ganhou espaço e substituiu muitos processos dentro das empresas, o departamento de TI ficou muito grande, desviando o seu foco dos serviços e produtos principais. Por exemplo, muitas empresas de varejo acabarão tendo de gastar com infraestrutura computacional interna em vez de investir em marketing e promoções.

Com isso, tem sido necessária uma redução de custos significativa para que os negócios sejam capazes de manter uma vantagem competitiva no mercado e, para isso, muitas estratégias foram elaboradas. Atualmente, é possível contar com a automação de vários processos, robôs de atendimento etc. Mas, nem tudo isso tem sido suficiente, e a terceirização de parte dos serviços é essencial.

Se você quer entender melhor como cortar os custos da sua empresa com eficiência, continue a leitura!

1. Automação de processos

Nos últimos anos, tem havido uma evolução significativa em soluções de TI automatizadas, que vão desde atualização de softwares até processos de backup. Portanto, a automação gera uma redução de custos, pois é capaz de reduzir significativamente os custos relacionados aos recursos humanos.

Isso porque é possível eliminar a mão de obra humana em praticamente todas as tarefas repetitivas e que não necessitam de nenhuma habilidade criativa ou intelectual, como ficar copiando pedaços de código de atualização em cada aplicativo gerido por sua empresa.

Com isso, sua empresa é capaz de manter funcionários somente em tarefas realmente críticas para o funcionamento adequado do setor. Consequentemente, além da redução de custos por um número de pessoal mais enxuto, também há um ganho de eficiência, pois eles terão mais tempo para tarefas mais produtivas, como criar novas ferramentas.

2. Robotização

A robotização é muito confundida com a automação, pois, aparentemente, as duas fazem a mesma coisa: realizam algumas tarefas sem necessitar de intervenção humana. No entanto, a robotização tem um diferencial: ela é baseada em inteligência artificial e, portanto, tem capacidade de aprendizado, podendo ir além de tarefas.

Uma aplicação muito importante é o atendimento ao cliente. Geralmente, é necessário ter um funcionário de TI dedicado a tirar dúvidas sobre seu aplicativo ou software, porém ele deve se dedicar às dúvidas mais profundas que realmente demandam um conhecimento especializado.

Aquelas mais simples agora poderão ser resolvidas por robôs. A AI permite que os chatbots aprendam a linguagem dos seus clientes e, então, consigam um atendimento mais real.

Além disso, há robôs capazes de realizar tarefas de revisão de processos de desenvolvimento com mais precisão, como a descoberta da causa-raiz de problemas. Também, podem monitorar as métricas do setor, fornecendo uma análise em tempo real da produtividade dos colaboradores.

3. Treinamento de equipe

O treinamento de sua equipe nunca deve ter seu potencial subestimado em relação à redução de custos em uma empresa, apesar de ser frequentemente ignorado. Isso porque, inicialmente, apresenta-se como um gasto, e gestores menos experientes podem vê-lo com maus olhos.

Todavia os benefícios já surgem a curto prazo, pois ele funciona como um filtro imediato a respeito das habilidades dos funcionários. Afinal, aqueles que não conseguem concluir o treinamento — ou ficam muito frustrados no processo — mostram que não têm as habilidades necessárias para a sua empresa.

Ademais, ele permite uma adequação maior dos colaboradores com a missão e os objetivos da sua empresa, ficando, desse modo, mais fácil para você alcançar o seu planejamento estratégico. Consequentemente, haverá um ganho de novas habilidades cruciais para o aumento de produtividade e eficiência.

Por fim, devemos ressaltar a importância do treinamento para um atendimento ao cliente mais eficaz. Sua empresa precisa ensinar aos atendentes qual a linguagem adequada para seu público e quais são as ferramentas disponíveis para aumentar a satisfação dele.

4. Adoção de tecnologia em nuvem

A tecnologia em nuvem tem permitido uma redução significativa na infraestrutura de TI que sua empresa precisa para manter suas aplicações em bom funcionamento.

Por exemplo, antigamente, era necessário ter vários servidores para armazenar as informações dos clientes. Consequentemente, era também preciso comprar equipamentos, ter um espaço físico dedicado e uma equipe de TI interna, o que também comprometia a capacidade de crescimento de um negócio.

Hoje em dia, você pode contratar um serviço de armazenamento em nuvem. Desse modo, toda a infraestrutura ficará com o provedor e a única coisa que precisará é de uma conexão com a Internet, pois todos os dados serão hospedados em servidores remotos. A grande vantagem é que você pode contratar um pacote adequado a sua necessidade e ir escalando conforme ela aumentar.

5. Fábricas de software

Elas são empresas especializadas na criação de aplicações para as empresas. Ou seja, em vez de fornecer somente aplicativos e softwares prontos para as empresas, elas vão desenvolver soluções personalizadas para o seu negócio, conforme os requisitos dados por você.

Ao contrário de outros empreendimentos de TI, que, geralmente, trabalham com várias áreas, como implementação de hardwares, as fábricas de software são especializadas e, por isso, têm processos operacionais mais eficientes para cumprir com seus objetivos — isto é, criar uma ferramenta digital capaz de revolucionar as suas operações ou a interação com os seus clientes.

Dessa forma, além de criar aplicações inteiramente novas e personalizadas, elas também focam na prestação de serviços essenciais para a qualidade final, como a instalação e melhoria de softwares, além da alocação de profissionais diretamente em sua empresa. Esta última é chamado de Body Shop e objetiva tanto que eles ajudem no início da implementação do software, tirando as dúvidas de seus funcionários, quanto na alocação permanente quando for necessário.

Essa diversidade de serviços é possível devido à infraestrutura e aos processos especializados. Normalmente, as fábricas de softwares contam com alguns setores específicos.

Análise e levantamento de requisitos

Formado por profissionais com a capacidade de ouvir todas as necessidades práticas do seu negócio e de pensar em quais soluções tecnológicas são possíveis para melhorar o que você deseja.

Depois disso, eles criam um projeto com o time de desenvolvimento para que seu software tenha tudo aquilo que você precisa para se destacar. Além disso, eles trabalham diretamente com você durante todo o processo de criação para garantir a satisfação máxima.

Setor de planejamento e gestão

É o responsável por criar uma estrutura e um planejamento adequados para que os desejos do cliente sejam realizados. Para isso, estabelece prazos e objetivos para a equipe de desenvolvimento. Nas fábricas, esse time conta com especialistas em arquitetura de software para garantir o melhor resultado final com o menor custo.

Setor de desenvolvimento

Nesse setor, há profissionais bastante experientes em criar soluções tecnológicas para o mundo corporativo. Eles contam com o que há de melhor em infraestrutura e trabalham com as linguagens de programação mais modernas para que sua empresa tenha ferramentas capazes de rodar em todos os dispositivos, além de se integrar com outros softwares.

setor de controle de qualidade

É a área responsável por garantir que o produto final tenha todos os requisitos elencados no projeto inicial. Também, verifica a qualidade do código de programação para que ele rode sem erros.

As estratégias para reduzir custos de TI se tornaram essenciais para garantir que seu negócio ofereça bons serviços de software ao mesmo tempo que não fique sobrecarregado com os custos de um departamento que geralmente não é o responsável pelo seu serviço original. Por isso, é crucial adotar ferramentas, como a automação e a robotização, ao mesmo tempo em que se aposta na terceirização.

Quer entender um pouco mais sobre a importância da gestão de TI para aumentar a eficiência do seu negócio? Então, confira o nosso post sobre o assunto, selecionamos as melhores práticas atuais para você!

Você também pode gostar

Um comentário em “5 estratégias para reduzir custos de TI que você precisa adotar

Deixe uma resposta

-
Scroll Up